ccc olhão

O que levará uma câmara cada vez mais endividada a insistir e até a promover a atribuição de subsídios? Como compreender a ausência de hierarquização, de prioridades e de critérios objectivos de mérito na atribuição de subsídios, num contexto em que existem redes sociais que deveriam ser conhecidas e trabalhadas em conjunto? Que interesse público existirá na “subsidiodependência” e na individualização da intervenção social? Porque se negligencia a avaliação dos projectos subsidiados, sendo esse factor um dos indicadores essenciais da viabilidade das instituições?

Só se apresentou uma lista candidata à Comissão Coordenadora Concelhia de Olhão cuja composição e programa podem ser consultados no documento anexo. A esta lista foi atribuído o nome de Lista A.

De acordo com os Estatutos do Bloco de Esquerda (BE) são convocadas eleições para a Comissão Coordenadora Concelhia de Olhão do Bloco de Esquerda.

"(...)
Porque eu sou do tamanho do que vejo
E não, do tamanho da minha altura..."

( Alberto Caeiro)

O resultado da eleição para a mesa da Assembleia Municipal de Olhão devia ser motivo para uma reflexão séria e profunda por parte da concelhia de Olhão do PS, sobre a forma como aquele partido tem conduzido a Câmara Municipal e a política neste concelho. 

Foi e será um caminho partilhado, com a força das pessoas e das ideias, num projeto  com “olhão sempre” no centro para “restaurar a confiança”. Contribuímos para a mudança. Lutámos e conseguimos uma visível vitória - dez autarcas eleitos (mais um que em 2009), o fim da maioria absoluta do partido dominante, uma nova esperança para o desenvolvimento de Olhão!

Um forte abraço a todos os companheiros e companheiras, amigos e amigas, que participaram connosco na construção da candidatura e na campanha! Um obrigado a todo o povo do concelho de Olhão que acreditou no nosso projeto e na nossa postura de rigor e transparência ou que desabafou connosco e que partilhou anseios, necessidades e desilusões! Juntos podemos fazer a diferença e, do primeiro passo que foi dado, nascerá certamente uma grande jornada no futuro – a intransigência na defesa da dignidade, da justiça social e de um concelho menos desigual onde todos somos importantes!!! 

O Bloco de Esquerda de Olhão formalizou ontem, dia 5 de Agosto, a  candidatura a todos os órgãos autárquicos (Câmara e Assembleia Municipal e Juntas de Freguesia de Olhão, Quelfes, Pechão e Moncarapacho/Fuseta) cuja eleição decorrerá no dia 29 de Setembro de 2013. 

(consulte as listas completas para a Câmara Municipal de Olhão e para a Assembleia Municipal de Olhão)

Opinião

Presentemente, em Olhão, faltam casas para venda ou arrendamento e as poucas que existem atingem preços elevadíssimosComo satisfazer a necessidade de habitação dos jovens e das famílias mais carenciadas? Para resolver este problema tem que haver investimento municipal e vontade política para utilizar os instrumentos e condições disponíveis. É então possível minorar a grave carência de habitações com que atualmente os  olhanenses se vêm confrontados 

O turismo náutico é um tipo de turismo cada vez mais em moda e com tendência à massificação (…). No caso do projeto para Olhão, em que o porto de recreio e a área de navegação se encontram em plena Ria Formosa, colocam-se todos os problemas ambientais e socio-económicos que daí advêm (…): põe em risco o equilíbrio ecológico da área protegida da ria; (…) põe risco recursos de pesca com papel importante na economia local e qualidade de vida das populações; (…) prejudica a relação visual com a ria e a preservação da imagem global de açoteias e mirantes que identifica a cidade cubista; (…) implica a deslocalização de atividades tradicionais, o que irá destruir modos de vida únicos e autênticos que fazem parte de uma apropriação popular das zonas ribeirinhas (…) (VER ARTIGO COMPLETO NO INTERIOR)